segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Lembranças de Palmares

Mares, Palmares! Palmeiras, brincadeiras,
rios inteiros, aventureiros, buscar cana, chupar cana.


E quem A ama se lembra da infância de outrora,
imagens vêm sem demora, e o tempo não volta mais,
é a invasão da saudade, pedaço de eternidade
do prazer que Ela me traz.


É Palmares de amores,
primores da minha vida, amizades desmedidas,
amo essa gente, essa terra!


Quase o todo da esfera que trago dentro de mim.
Diria sempre que sim aos desejos que tenho,
pensando Nela eu desenho um paraíso sem fim.
   João Lover

Nenhum comentário:

Postar um comentário